Inglês a distância dobra faturamento da Ometz

Por Cristina Salvadeo em 12 de janeiro de 2010
Na esteira do aumento do número de alunos de menor renda, o grupo Ometz , dono da rede de franquias de escolas de inglês Wise Up e outras três bandeiras, está apostando no segmento popular para crescer.

Com 400 franquias no país, o Ometz lançou a sua quinta marca, a Wise4U. O diferencial nesse caso é que as aulas de inglês serão ministradas por meio de ensino a distância (EAD), cujo custo mensal ao aluno é de cerca de R$ 96. "Vamos começar com 70 unidades no Tocantins em março", disse Flávio Augusto, diretor-presidente do Ometz. Para esse projeto, a rede escolas fechou parceria com o grupo Skipton, proprietário do Sistema Educacional Eadcon, que conta com mais de 1 mil centros de ensino a distância.

Segundo Augusto, esses 70 pontos pertencem ao Eadcon e eram usados pelos alunos da Universidade do Tocantis (Unitins), que tinha uma parceria com a Eadcon. Porém, no mês passado a Unitins foi descredenciada pelo MEC para aulas a distância. Nos cursos presenciais, o Ometz criou em setembro a bandeira You Move, também voltada para o público popular.

O grupo Ometz fechou 2009 com faturamento de R$ 103 milhões, uma alta de 71% em relação ao ano anterior. A maior parte do faturamento vem do aumento expressivo do número de franquias, que cresceu de 203 em 2008 para 400, até março de 2010. Esse valor representa a soma dos royalties e a receita da venda de livros e das 20 unidades próprias de ensino de inglês.

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) prevê que o mercado de franquias encerre 2009 com faturamento de R$ 63 bilhões, aumento de 15%. "O setor de franquias como um todo cresceu. A área de educação é uma das que despontaram. As classes C e D estão em busca de cursos profissionalizantes para aumentar a empregabilidade", disse Marcelo Cherto, consultor da área de franquias.

Fonte: Valor Econômico

0 comentários:

Postar um comentário